segunda-feira, 8 de março de 2010

Dia Internacional da Mulher


Nísia Floresta

Apesar de ser convicto de que a mulher não tem direito a um dia - a figura feminina tem direito é ao ano todo - faço minha singela homenagem nesta data que o mundo dedica a ela, em reverência e reconhecimento. Uma criatura tão sublime, tão coroada de atributos, onde Deus pôde exercer a sua generosidade infinita, no momento da criação, não pode ter vindo ao mundo para exercer um papel menos nobre, em um plano secundário.

Utilizo-me da figura de Nísia Floresta, por se tratar de uma norteriograndense que foi referência em intelectualidade, precursora do movimento igualitário, muito a frente do seu tempo, e que conseguiu mostrar ao mundo que a mulher é bem mais que uma mera coadjuvante subserviente, na humanidade. Num tempo em que as sinhás nacionais, segundo o velho ditado português, só deveriam sair de casa três vezes: a batizar, a casar e a enterrar (...), Nísia era feminista. Gilberto Freyre, em "Sobrados e Mocambos", 1936.

De repente podemos refletir: " - O que é que eu posso fazer pelas mulheres? Nada. Eu sozinho não posso fazer nada." Mas eu diria que a história de Nisia é um exemplo de que "você pode fazer muito". Em um tempo extremamente ostensivo para as mulheres, separar-se com 13 anos de idade; resolver desmistificar uma verdade quase absoluta, da inferioridade feminina, não teria sido possível se ela não tivesse recebido uma educação familiar alicerçada em valores menos arcaicos, com o apoio e o suporte necessário a estruturação de uma personalidade forte e uma inteligência superior. Portanto todos nós, mesmo que não resolvamos iniciar uma cruzada de valorização da mulher, podemos simplesmente educar nossas filhas, sem incutir nelas a perspectiva de inferioridade e de repreensão excessiva, apoiando-as, quando necessário. Também podemos criar os nossos filhos sob a égide do respeito e valorização da figura feminina. Feito isto, estão criadas as condições para o surgimento de mulheres inteligentes e importantes para a humanidade, como Nísia, e homens que saberão valorizar e respeitar as mulheres, como o pai de Nísia.

Mulher

Sem leito para deitar
Adormeço até no chão
Se faltar a condução
Ponho-me a caminhar
Querendo cedo chegar
Ando no passo apressado
Se faltar carne de gado
Passo com ovo mexido
A vida só tem sentido
Com uma mulher do lado

Se nos pés faltar a terra
Eu me penduro num galho
A rês que não tem chocalho
Tiro o rastro pela serra
Na hora que o burro emperra
Só anda se for puxado
Se meu time é derrotado
Perdeu por ter merecido
A vida só tem sentido
Com uma mulher do lado

Eu acendo o candeeiro
Na hora que faltar luz
O calor, logo, reduz
Na sombra do juazeiro
Com cachorro no terreiro
Adormeço sossegado
Abandono o proseado
Se o papo tá comprido
A vida só tem sentido
Com uma mulher do lado

Cara feia, para mim
É forte sinal de fome
Mas tem coisa que consome
E põe fogo no estopim
Bate logo o farnizim
Fico desacorçoado
Ambiente carregado
De macho, é poluído
A vida só tem sentido
Com uma mulher do lado

O perfume não tem cheiro
A joia não tem valor
Falta ao arco-iris, cor
Pra nada serve o dinheiro
Um burro bom, sem vaqueiro
O leite foi derramado
Um açude arrombado
O mundo tá destruído
A vida só tem sentido
Com uma mulher do lado

Estrela que incandesce
No firmamento da vida
Obra rara esculpida
Pelas Mãos que nos guarnece
É fogueira que aquece
No frio demasiado
Se o momento é complicado
Seu encanto é aduzido
A vida só tem sentido
Com uma mulher do lado

(Pedro Augusto Fernandes de Medeiros)

PS: Para os que desejarem se aprofundar um pouco mais na vida e na obra de Nísia Floresta, segue o link do Projeto Memória, que conta a sua história de uma maneira fantástica, cheia de ilustrações e o link (dentro do mesmo projeto) do livro fotográfico.

LINK DO PROJETO MEMÓRIA - NÍSIA FLORESTA

LIVRO FOTOGRÁFICO ZIPADO, EM PDF

4 comentários:

  1. Que belas palavras pra começar o dia. Nada melhor do que receber esses elogios nessa data especial.
    Infelizmente não são todos os homens que sabem dar valor a sua mãe, filha, a dona de casa, a operária, a mulher.
    Suas palavras foram magníficas!!
    Parabéns as mulheres pelo nosso dia, e obrigado pela homenagem!

    ResponderExcluir
  2. menino, vc me deixou orgulhosa, me fazendo sentir mais ainda orgulhosa de ser mulher. Parabéns. Posso postar no meu blog t

    ResponderExcluir
  3. Fique à vontade, Geralda. Será um grande prazer dividar com o seu espaço esta publicação.

    ResponderExcluir